A mortalha de Alzira

A mortalha de Alzira

Aluísio Azevedo - Bibliomundi

sinopse

"""A Mortalha de Alzira"", oitavo romance de Aluísio Azevedo, foi publicado em 1892, época na qual foi um estouro de vendas, atingindo 10.000 exemplares em três anos. Conta a história do padre Angelo, homem que não teve escolha em sua educação, sendo obrigado a ser sacerdote. Ele tenta reprimir, a todo custo, a paixão desesperadora que sente pela cortesã Alzira. O autor mostra a corrupção na Igreja e o comportamento do clero, assim como traz elementos românticos (sonhos, devaneios) e naturalistas. Aluísio Tancredo Gonçalves de Azevedo nasceu em São Luís em abril de 1857. Foi novelista, contista, cronista, diplomata, caricaturista, desenhista, pintor e jornalista brasileiro. Se faz presente em sua obra certos traços fundamentais do Naturalismo. Ocupou a cadeira 4 da Academia Brasileira de Letras. Morreu em Buenos Aires, em janeiro de 1913. "

ler amostra agora Adicionar a lista de desejos

Leia também em Contos e Crônicas