A Nova geração 

A Nova geração 

Machado de Assis - Domínio Público

sinopse

A ironia machadiana utiliza a pretensão dos cientistas de se igualarem a Deus, para fazer uma crítica ao poder que a ciência passara a conferir a seus adeptos no período final do Império. Machado devotou atenção especial aos nossos intelectuais e às idéiascientíficas em voga, a partir de seu ensaio sobre a Nova Geração (1879), mas foi na primeira parte da década de 1880 que se esmerou em criações ficcionais marcadas pela ironia com relação ao fascínio de seus contemporâneos pela ciência.

Acessar agora

Leia também em Literatura