As Lágrimas entre Dimensões

As Lágrimas entre Dimensões

L. M. Nunes - bibliomundi

sinopse

'Diz-se há séculos que as mulheres são inclinadas à magia porque a Natureza as fez assim. Deu-lhes a liberdade de manipular os elementos e fenômenos, seguindo determinadas regras. Segundo uma antiga teoria, esta afinidade naturalmente desenvolvida, deve-se ao fato de estarem intimamente ligadas ao mundo através do útero, pois, o ciclo menstrual representaria as quatro estações do ano no órgão que lhes é próprio e único: a primavera, o momento da disseminação do pólen e que exala a fertilidade, seria o equivalente ao período da ovulação; o verão é o tempo estável, quente e úmido nas medidas certas – época propícia para a fertilização e desenvolvimento pleno da vida nova; o outono é o tempo em que a maturação dos frutos alcança seu ápice, no limiar da fertilização ainda possível e seu derradeiro apodrecimento; por fim, o inverno, quando tudo morre e aguarda – período em que os recursos, à espera de um feto que não veio, estragam e devem ser jogados fora, culminando no sangramento. Tudo isso, em um ano-mês após o outro, sempre recomeçando, em uma ordem precisa.'Você está pronto para saber o propósito do seu lugar entre as dimensões?

198 páginas

Acessar agora

Leia também em Ficção Juvenil