Capitalismo e impulso de morte

Capitalismo e impulso de morte

Byung-Chul Han - Editora Vozes

sinopse

O que hoje chamamos de crescimento é, na realidade, uma proliferação cancerígena e sem rumo. Vivemos atualmente um delírio de produção e de crescimento que se parece com um delírio de morte. Ele simula uma vitalidade que oculta a proximidade de uma catástrofe mortal. A produção se assemelha cada vez mais a uma destruição. É possível que a autoalienação da humanidade tenha atingido um grau tal que ela experimentará seu próprio aniquilamento como um gozo estético. (Da obra)

192 páginas

Acessar agora

Leia também em Economia