Escritos de uma vida

Escritos de uma vida

Sueli Carneiro - Editora Jandaíra

sinopse

A mulher negra é a síntese de duas opressões, de duas contradições essenciais a opressão de gênero e a da raça. Isso resulta no tipo mais perverso de confinamento. Se a questão da mulher avança, o racismo vem e barra as negras. Se o racismo é burlado, geralmente quem se beneficia é o homem negro. Ser mulher negra é experimentar essa condição de asfixia social.

296 páginas

Acessar agora

Leia também em Biografia