Manifestos Modernistas

Manifestos Modernistas

Mário de Andrade, Jeosafá Fernandez Gonçalves, Oswald de Andrade, Cassiano Ricardo, Menotti del Picchia, Plínio Salgado, Cândido Motta Filho e Alfredo Élis - Editora Serra Azul

sinopse

Em comemoração dos 100 anos da Semana de Arte Moderna de 1922, MANIFESTOS MODERNISTAS reúne os 5 manifestos mais importantes do Modernismo brasileiro. De Mário de Andrade: Prefácio Interessantíssimo, publicando em Pauliceia Desvairada (1922); A Escrava que não é Isaura (1925). De Oswald de Andrade: Manifesto da Poesia Pau-Brasil (1924), Manifesto Antropofágico (1928). Dos grupos Verde-Amarelo e Escola da Anta, o Manifesto Nhengaçu Verdeamarelo (1929). Ao final do volume, há a biografia circunstanciada dos principais personagens envolvidos nesses manifestos.

90 páginas

Acessar agora

Leia também em Literatura