Ser professor (a) na educação infantil bilíngue

Ser professor (a) na educação infantil bilíngue

Thaís Araújo Carolino e Sandra Ferraz de Castillo Dourado Freire - Editora Dialética

sinopse

O presente trabalho, que surge de uma pesquisa desenvolvimental a partir da Teoria do Self Dialógico, discute sobre a educação infantil bilíngue. Para isso, foi conduzida uma pesquisa com professores de uma escola de educação infantil localizada na região Centro-Oeste do Brasil. Adotou-se como metodologia a pesquisa de cunho qualitativo interventivo, utilizando os seguintes instrumentos: questionários, práticas de grupo focal, entrevistas individuais e análise compartilhada de vídeos produzidos pelos professores. Ao final do trabalho, identificou-se a emergência de novos posicionamentos de self nos professores, que, ao visualizarem os vídeos produzidos por eles, compreenderam que a construção de espaços dialógicos pode transformar as práticas docentes e contribuir significativamente para o desenvolvimento de todos os envolvidos neste processo. Além disso, buscou-se disponibilizar ferramentas necessárias para compreender as especificidades atribuídas a experiência, procurando convidar os profissionais da instituição pesquisada para a reflexão sobre suas práticas e objetivos no âmbito da educação infantil bilíngue.

108 páginas

Acessar agora

Leia também em Estudos e Concursos